Elefante Salomão é notícia na Agência Lusa

Elefante Salomão viaja pelos 14 municípios da região Viseu Dão Lafões

  

O espetáculo do Trigo Limpo Teatro ACERT "Viagem do Elefante" vai encetar este mês uma digressão pelos 14 municípios que constituem a Comunidade Intermunicipal (CIM) Viseu Dão Lafões, numa aposta clara de igualdade de oportunidades naquele território.

De acordo com Miguel Torres, dirigente da ACERT, a viagem do elefante Salomão tem início a 24 de maio, no Adro da Sé de Viseu, e termina a 27 de setembro, na Avenida da Liberdade de Aguiar da Beira.
"A CIM Viseu Dão Lafões dá uma prova de grande ousadia com esta parceria. Não há muitas comunidades intermunicipais com capacidade de aceitar e acolher uma proposta com estas características, afirmando um território como um todo através da cultura", sustentou.
Na sua intervenção na apresentação da digressão do espetáculo, que decorreu em Tondela ao final da manhã de hoje, Miguel Torres recordou que em 2013 foram feitas 11 apresentações da "Viagem do Elefante", em nove cidades.
"Este espetáculo significa 70 dias de residência pelo território, 500 horas de formação, mais de 900 participantes locais em todos os territórios e muitos espetadores/atores. Do espetáculo, vai resultar aquilo a que chamamos um álbum gráfico, que será a narrativa desta história do percurso por este território", acrescentou.
Baseando-se na obra de José Saramago, sobre um paquiderme indiano que no século XVI caminhou de Lisboa a Viena de Áustria, a ACERT criou um espetáculo de rua, em coprodução musical com a Flor de Jara (Espanha) e parceria com a Fundação José Saramago.
A viúva de José Saramago, Pilar del Rio, marcou presença na apresentação da digressão do elefante Salomão e sublinhou que este tem a dimensão dos sonhos do antigo prémio Nobel da Literatura.
"Por isso é tão grande", referiu, acrescentando que "um dos sonhos de José Saramago era que a cultura fosse um elemento de progresso e desenvolvimento pessoal, mas também comunitário".
O presidente da Câmara de Tondela, José António Jesus, aproveitou a ocasião para sublinhar que com este projeto estão a divulgar e promover o território, mas acima de tudo a "reforçar a força criadora das suas gentes".
"Este projeto aposta na igualdade de oportunidades para todo o território e no acesso à fruição cultural. Ter um território coeso é reforçar a sua identidade, valorizando os seus recursos próprios e únicos".
A "Viagem do Elefante" arranca a 24 de maio em Viseu e vai passar por Penalva do Castelo a 07 de junho, Nelas a 14 de junho, Oliveira de Frades a 21 de junho, Vouzela a 28 de junho, Tondela a 12 de julho, Vila Nova de Paiva a 26 de julho, Sátão a 16 de agosto, Santa Comba Dão a 23 de agosto, Castro Daire a 30 de agosto, Carregal do Sal a 06 de setembro, Mangualde a 13 de setembro, S. Pedro do Sul a 20 de setembro, terminando em Aguiar da Beira a 27 de setembro.

Lusa
08 maio de 2014

http://www.rtp.pt/noticias/index.php?article=735970&tm=4&layout=121&visual=49