Bone Zeno (ING/MAR)

Quinta-feira, 13 de julho às 20:15 no Espaço Jardim – Micro-concerto

Apresentação de Black Milk, um disco onde o punk se cruza com os blues e com o rock mais pesado, não desmerecendo as batidas de outras sonoridades

Bone Zeno: um artista, um performer, um desassossego. É ele mesmo um furacão de batida e riffs de guitarra extremamente contagiantes. Lançou agora, em Abril, o seu mais recente fruto proibido: BLACK MILK.
Zeno começou como baterista para bandas de Punk no sul de Londres, sendo autodidata na guitarra e um sucesso surpresa do Punk Rock Blues Festival da capital inglesa. Num exorcismo contagiante entre Blues, Punk Rock, Heavy Metal e batidas várias, Zeno partilha toda a sua raiva, descontentamento e uma panóplia de emoções exorbitantes no seu novo disco. Dono de um poder diabólico de criar peças únicas de música, Bone Zeno consegue fazer a junção de ritmos profundos com letras e melodias carregadas de emoção, garra e pura discrepância sincronizada de uma maravilhosa guitarra. Num desalinho constante entre a sanidade e a insanidade, Zeno transporta-nos para um mundo que ele próprio escreve e descreve e reescreve.
 BLACK MILK está disponível em vinil e digital através de impressões e lojas de discos desde a Primavera deste ano, coincidindo com uma tour europeia. Num mundo onde todos lutam para esconder o seu lado mais genuíno, Bone Zeno destaca-se por ser ele próprio: um artista, um performer, um desassossego.