Os Sincopados

Quinta-feira, 19 de julho às 23:30
Palco Pátio

Um grupo de músicos maioritariamente cariocas inundam de beleza as interpretações de temas consagrados da música brasileira. O samba-sincopado num fraseado sinuoso, rico em notas e acentuadamente gingado, com divisões rítmicas ziguezagueantes, é a batuta para criar momentos propícios para os espetadores ganharem protagonismo, largando a cadeira, dançando e cantando.
A voz do grupo é um instrumento de eleição que acentua o caráter de cada música, numa demonstração do caráter universal que atingiu o samba por todo o mundo.

Considerado uma das principais manifestações culturais populares brasileiras, o samba deriva do samba de roda, um tipo de dança de raízes africanas nascido na Bahia, região Nordeste do país, embora seja uma expressão musical urbana surgida no início do século XX na cidade do Rio de Janeiro, nas casas das chamadas "tias baianas" — migrantes da Bahia —, quando o samba de roda, entrando em contato com outros géneros musicais populares entre os cariocas, como a polca, o maxixe, o lundu e o xote, fez nascer um género de caráter totalmente singular.

O cavaquinho, instrumento cordofone de excelência na interpretação do samba, pagode e choro, representa a maior “oferta” musical que Portugal exportou para o mundo. Um sinal de miscigenação a unir culturas.

Ficha Técnica
Denise Machado – voz
Ilen Monteiro - viola 7cordas
Fabinho do cavaco - Cavaquinho
Carlinhos Black - Percussão
Geovane - Percussão
Luciano Loureiro - Percussao