05 mar , 2016
SÁB
café-concerto O Martim Um personagem musical da noite lisboeta no palco mais eclético de Tondela
Preço

Entrada gratuita

05 mar , 2016
SÁB
Um personagem musical da noite lisboeta no palco mais eclético de Tondela

café-concerto

gratuito

Preço

Entrada gratuita

Calendarização

05 mar
sáb
22:30
  (Bar ACERT)

O Martim

O Martim nasce como confessionário-pop de Martim Torres, rapaz lisboeta que, munido de um computador bem artilhado, uma caixa de ritmos marota, vários instrumentos, voz malandra e uma pandilha de amigos músicos extremamente virtuosos, grava no seu estúdio caseiro as canções que aqui e ali vai escrevendo.

A realidade que O Martim toca e canta situa-se num eixo marginal, entre o Príncipe Real e a discoteca Lux (de Santa Apolónia), fazendo escala no Cais do Sodré durante largas horas. Canta-se a rua, o quarto, a casa de banho, o clube, a casa de banho do clube… Canta-se um lugar, mas também um tempo, uma personagem, um Martim que se propõe ser muitos ao mesmo tempo, com pés firmados no que já nos deu a música portuguesa (sem esquecer os habituais traços anglófonos da pop e do rock e o aceno cúmplice à ginga brasileira).

O Martim depara-se agora com o desafio de desbravar território novo nos meandros a que se propõe, não faltando, para já, contagiantes singles, videoclips engenhosos e, acima de tudo, vontade de mostrar o que se sabe e quer dizer.

Fica muito para dizer sobre o Martim – que é também um Homem da Luta, foi baixista de B Fachada e membro da dupla Maria Amélia, que toca no programa da RTP “5 para a meia noite”, integrou a banda de Mallu Magalhães nos seu últimos concertos em Portugal e autor de 3 discos já editados.